O papel intervencionista da ditadura civil-militar brasileira na América do Sul.

  • Vicente Gil Silva

Resumo

Este texto tem o objetivo de discutir algumas das ações da ditadura civilmilitar
brasileira relacionadas a assuntos internos de países vizinhos. Muitas
destas ações, além de servirem a interesses do governo brasileiro, serviam
também ao objetivo geral da diplomacia estadunidense para a região: a
contenção do comunismo. O centro desta análise será o estudo dos casos
da intervenção brasileira durante as eleições uruguaias de 1971 e o apoio
do Brasil à derrubada de Salvador Allende no Chile. A base documental
deste texto são fontes produzidas nos Estados Unidos e trabalhos brasileiros
e estadunidenses sobre o tema.
Palavras-chave: ditadura brasileira; Uruguai; Chile.

Biografia do Autor

Vicente Gil Silva
UFAC
Como Citar
Silva, V. G. (1). O papel intervencionista da ditadura civil-militar brasileira na América do Sul. História Social, 1(18), 177-196. Recuperado de https://www.ifch.unicamp.br/ojs/index.php/rhs/article/view/357