Recepção e tradução do Diretório dos índios na antiga Capitania de Porto Seguro: uma análise das Instruções para o governo dos índios.

  • Francisco Cancela

Resumo

O presente texto busca refletir sobre a implantação da política indigenista pombalina na antiga Capitania de Porto Seguro na segunda metade do século XVIII. Para além de apresentar uma discussão histórica e historiográfica sobre Diretório dos índios, a abordagem procurará demonstrar como autoridades régias e colonos receberam e traduziram essa legislação conforme os diferentes contextos da América Portuguesa. A ideia de tradução da legislação indigenista ocupará um lugar de destaque na argumentação sobre a variabilidade das experiências coloniais, tendo como foco a análise das Instruções para o governo dos índios da Capitania de Porto Seguro.Palavras-chave: Política indigenista. Políticas indígenas. Porto Seguro.
Publicado
2015-02-09
Como Citar
Cancela, F. (2015). Recepção e tradução do Diretório dos índios na antiga Capitania de Porto Seguro: uma análise das Instruções para o governo dos índios. História Social, 2(25), 43-70. Recuperado de https://www.ifch.unicamp.br/ojs/index.php/rhs/article/view/1836