Reflexões e possibilidades para uma autonomia estética da improvisação brasileira

Palavras-chave: Improvisação, Música instrumental brasileira, Decolonialismo

Resumo

O presente debate foi realizado com o intuito de refletir e discutir acerca da improvisação brasileira, principalmente suas particularidades e possibilidades de autonomia estética. Nesse diálogo, entre os assuntos abordados, falamos sobre grandes improvisadores brasileiros que contribuíram para o desenvolvimento de uma improvisação brasileira, refletimos sobre estratégias e possibilidades para a construção de improvisos que articulem elementos brasileiros e discutimos de que forma poderíamos levar tal questão e prática estética para o ensino musical nacional, sendo esse ponto bastante relevante para o estabelecimento de uma improvisação brasileira.

Biografia do Autor

Ramón Del Pino, Universidade Estadual de Campinas

Doutorando em Música pelo Programa de Pós-Graduação em Música da Universidade Estadual de Campinas.

Referências

Não possui
Publicado
2020-08-18
Como Citar
Del Pino, R. (2020). Reflexões e possibilidades para uma autonomia estética da improvisação brasileira. PROA Revista De Antropologia E Arte, 1(10), 286-309. Recuperado de https://www.ifch.unicamp.br/ojs/index.php/proa/article/view/4096

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##