Reação e Rejeição: O grande público e a recepção da arte contemporânea

  • Sara Raquel Andrade

Resumo

O objetivo deste artigo é analisar a recepção de duas manifestações artísticas
contemporâneas – a exposição “Queermuseu” do Santander cultural e a performance “La Bête” do artista Wagner Schwart - que deram origem a debates amplamente divulgados pela mídia e pelas redes sociais. Enfoco a rejeição do grande público e os argumentos mobilizados nessa reação a fim de entender as justificativas de que dispõem os atores para construir uma opinião sobre o valor das expressões submetidas à apreciação.

Biografia do Autor

Sara Raquel Andrade
Mestranda em sociologia, com formação em belas artes

Referências

BOTELHO, Isaura Os públicos da cultura: desafios para as políticas culturais in: Revista Observatório Itaú Cultural, n. 12 (maio/agosto), – São Paulo: Itaú Cultural, 2011

BOURDIEU, Pierre Gostos de classe e estilos de vida. In Ortiz, Renato (org.) Pierre Bourdieu: Sociologia. São Paulo, Ática, 1983.

BUSKIRK, Martha. The Contingent Object of Contemporary Art, Cambridge, Massachusetts, The MIT Press, 2003, p.1-155.

HEINICH, Nathalie. Práticas da Arte Contemporânea: Uma abordagem pragmática a um novo paradigma artístico em Sociologia e Antropologia, vol. 04, nº 2, 2014, 373-387

______. Outsider Art and insider artists: gauging public reactions to contemporary art em Zolberg, Vera, Cherbo, Joni Maya (orgs) Outsider Art. Contesting boundaries in contemporary art. Cambridge University Press, 1997, p. 118-12.

______. L'art contemporain exposé aux rejets: contribution à une sociologie des valeurs, Hermès, La Revue, 1996/2 (n° 20), p. 193-204.

Publicado
2019-07-15
Como Citar
Andrade, S. R. (2019). Reação e Rejeição: O grande público e a recepção da arte contemporânea. PROA Revista De Antropologia E Arte, 1(9), 242-252. Recuperado de https://www.ifch.unicamp.br/ojs/index.php/proa/article/view/3337