“Osiba Kangamuke - Vamos lá, Criançada!” o audiovisual e o etnográfico em colaboração

Lucas da Costa Maciel, Veronica Monachini, Thomaz Marcondes Garcia Pedro

Resumo


Filme completo no canal da PROA: https://www.youtube.com/watch?v=-5gueIsFZS0

Neste artigo debatemos as possibilidades, alcances e limites dos recursos audiovisuais enquanto metodologia de pesquisa etnográfica com crianças. Para tanto, apresentamos o processo de realização de atividades de captura imagética com as crianças da aldeia de Aiha, do povo Kalapalo, falantes de uma língua karib do sistema regional do Alto Xingu, no estado brasileiro do Mato Grosso, e que resultaram na composição do filme etnográfico “Osiba Kangamuke - Vamos lá, criançada!” (2016). Em seguida, analisamos as relações das crianças com a câmera, discutindo a ação de ambas na realização de um filme que pretende apresentar de maneira audiovisual quem são as crianças Kalapalo. Partimos, para tanto, das suas escolhas imagética, assim como da discussão do fenômeno estético e político do fazer-se ver ao outro.


Palavras-chave


Etnologia; Kalapalo; Alto Xingu; Imagem; Antropologia da Criança

Texto completo:

PDF

Referências


BAIRON, Sérgio; LAZANEO, Caio. Produção Partilhada do Conhecimento: Do filme à Hipermídia. In: Maria Cristina Castilho Costa. (Org.). Comunicação, Mídias e Liberdade de Expressão. 1ed.São Paulo: , 2013, v. , p. 57-80.

BARCELOS NETO, Aristóteles. Apapaatai: rituais de máscaras no Alto Xingu. 1. ed. Sao Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2008.

BARCELOS NETO, Aristóteles. Com Os Índios Wauja: Objectos E Personagens de Uma Coleçāo Amazônica. Lisboa: Museu Nacional de Etnologia, 2004.

BASSO, Ellen. The Kalapalo Indians of Central Brazil. New York: Holt, Rimehart ans Wineton Inc., 1973.

CARELLI, Vincent; GALLOIS, Dominique. Vídeo nas Aldeias: A experiência Waiãpi. Cadernos de Campo, v. 2, FFLCH/USP, 1994

COHN, Clarice. Antropologia da criança. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor Ed., 2005.

COHN, Clarice. A concepção de criança e aprendizado entre os Kayapó- Xikrin do Bacajá. Dissertação de mestrado, São Paulo: USP, 2000.

CORONA BERKIN, Sarah; KALTMEIER, Olaf. En Diálogo: Metodologías Horizontales En Ciencias Sociales Y Culturales. Barcelona: Gedisa Editorial, 2012.

DE LA CADENA, Marisol. Earth Beings: Ecologies of Practice across Andean Worlds. Durham & London: Duke University Press, 2015.

FAUSTO, Carlos. No Registro da Cultura. IN: ARAÚJO, Ana Carvalho Ziller; CARVALHO, Ernesto Ignacio de & CARELLI, Vincent (orgs.). Vídeo nas Aldeias 25 anos: 1986-2011. Olinda: Vídeo nas Aldeias, 2011.

GUERREIRO, Antonio. Ancestrais e suas sombras: uma etnografia da chefia Kalapalo e seu ritual mortuário. Campinas: Editora da Unicamp, 2015.

HECKENBERGER, Michael. Epidemias, Índios Bravos e Brancos. IN: FRANCHETTO, B. e HECKENBERGER, M. (orgs.) Os Povos do Alto Xingu: história e cultura. Rio de Janeiro: Editora UFRJ, pp.21-62, 2001a.

HECKENBERGER, Michael. Estrutura, história e transformação: a cultura xinguana na longue durée, 1000-2000 d.C. IN: FRANCHETTO, B. e HECKENBERGER, M. (orgs.) Os Povos do Alto Xingu: história e cultura. Rio de Janeiro: Editora UFRJ, pp.21-62, 2001b.

HIKIJI, Rose Satiko G. Rouch compartilhado: Premonições e provocações para um antropologia contemporânea. Iluminuras, Porto Alegre, v.14, n.32, p.113-122, jan./jun. 2013

INGOLD, Tim. Estar Vivo: Ensaios Sobre Movimento, Conhecimento E Descrição. Petrópolis: Editora Vozes, 2015.

KELLY, José Antonio. Notas para uma teoria do "virar branco". Mana, Rio de Janeiro, v. 11, n. 1, p. 201-234, 2005.

KOPENAWA, Davi; ALBERT, Bruce. A Queda Do Céu: Palavras de Um Xamã Yanomami. São Paulo: Companhia das Letras, 2015.

LIMA, Tânia Stolze. Um Peixe Olhou Para Mim: O Povo Yudjá E a Perspectiva. São Paulo: Ed. Unesp, 2005.

NOVO, Marina Pereira. "Esse é o meu patikula": uma etnografia do dinheiro e outras coisas entre os Kalapalo de Aiha. Tese defendida pelo Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da UFSCar, 2017.

OLIVEIRA, Joana Cabral de. “Mundos de Roças E Florestas.” Boletim do Museu Paraense Emílio Goeldi. Ciências Humanas 11(1): 115–31, 2016.

PODESTÁ SIRI, Rossana; Niñas y niños nahuas. Encuentro de Miradas: El Territorio Visto Por Diversos Autores. México: SEP-CEGIB, 2007.

PODESTÁ SIRI, Rossana; Niñas y niños nahuas. Mi Pueblo En Fotografías: El Mundo de Las Niñas Y Niños Nahuas de México a Través de Sus Propias Imágenes Y Palabras. Puebla: BUAP, 2011.

ROUCH, Jean. The camera and Man. In: CINÉ-ETNOGRAPH/ Jean Rouch; edited and translated by Steven Feld.. Visible evidence . v. 13. 2003.

SEEGER, Anthony; DAMATTA, Roberto; VIVEIROS DE CASTRO, Eduardo. “A Construção Da Pessoa Nas Sociedades Indígenas Brasileiras.” Boletim do Museu Nacional (32): 2–19, 1979.

STRATHERN, Marilyn. Partial Connections. Oxford: AltaMira Press, 2004.

TAYLOR, Anne-Christine. “Les Masques de La Mémoire: Essai Sur La Fonction Des Peintures Corporelles Jivaro.” L’Homme 165: 223–48, 2003.

TURNER, Terence. Imagens Desafiantes. Revista de Antropologia, São Paulo, USP, 1993.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Lucas da Costa Maciel, Veronica Monachini, Thomaz Marcondes Garcia Pedro

URL da licença: https://creativecommons.org/licenses/by/3.0/br/

PROA: Revista de antropologia e arte. IFCH-UNICAMP, Campinas. ISSN:2175-6015.  Conteúdos licenciados em CC BY.

Indexadores: Latindex / DOAJ / CAPES / Sumários