Imagem para capa

Prestígio e Autoridade em disputa: os corpos dos mestres e palhaços na festa do arremate das folias de reis

Luiz Gustavo Mendel Souza

Resumo


Este artigo foca nas possibilidades de compreender a festa da folia de reis através da literatura da Antropologia do Corpo, analisando a comunidade festiva através dos corpos de dois personagens principais para a festa do arremate: o mestre e o palhaço. Dentro da lúdica brincadeira dos palhaços encontramos um ritual complexo que relaciona versos de memória, devoção, conhecimento dos códigos que regem o grupo de foliões. A apropriação indevida do fundamento da folia pode tomar grandes proporções e gerar um conflito entre tais sujeitos, tornando a “performance” religiosa em um campo agonístico. O evento revela como o domínio de um conhecimento específico não se manifesta apenas no campo do intelecto, mas compreende em um fenômeno que se expande para todo o corpo, proporcionando um jogo que coloca em risco o prestígio e autoridade dos mestres e palhaços das folias de reis.

Apresentação em vídeo: https://youtu.be/ivr3vWoo0t0

 

Prestige and Authority in dispute: the bodies of the masters and clowns in the festa do arremate of the folias de reis.

 ABSTRACT

 This article focuses on the possibilities of understanding the festival of folia de reis through the literature of the Anthropology of the Body, analyzing the festive community through the bodies of two main characters for the festa do arremate: the master and the clown. Within the ludicrous play of the clowns we find a complex ritual that relates verses of memory, devotion, knowledge of the codes that govern the group of revelers. The misappropriation of the fundamento of the folia can take on great proportions and generate a conflict between such subjects, making the religious "performance" in an agonistic field. The event reveals how the domain of a specific knowledge is manifested not only in the field of the intellect, but comprises in a phenomenon that expands to the whole body, providing a game that puts at risk the prestige and authority of the masters and clowns of folia de reis.

Keywords: másters. Clowns. festa do arremate. folias de reis. Body.


Palavras-chave


mestres; Palhaços; festa do arremate; folia de reis; Corpo

Texto completo:

PDF

Referências


BATESON, Gregory. A theory of play and phantasy. ln: ______. Steps to an ecology of mind. London/San Francisco/Scranton/Toronto: Chandler Publishing Company, 1972. p. 334-348.

BITTER, Daniel. A Bandeira e a Mascara: A circulação de objetos rituais nas folias de reis. Rio de Janeiro: 7 Letras; Iphan/ CNFCP, 2010

BOURDIEU, Pierre. Esboço de uma teoria da prática. Ática. São Paulo, 1983.

CHAVES, Wagner Neves Diniz, Na Jornada de Santos Reis: uma etnografia da Folia de Reis do Mestre Tachico. Maceió: EDUFAL, 2013.

CSORDAS, Thomas. Corpo, significado, cura. Porto Alegre: Ed.UFRGS, 2008.

DAMATTA, Roberto. Casa & Rua. Rio de Janeiro: Guanabara, 1987. 178 p.

DURKHEIM, Émile. As formas elementares da vida religiosa. 3. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2003. 535 p.

GOFFMAN, Erving. Frame analysis: an essay on the organization of experience. Boston: Northeastern University Press, 2005.

GUARINELLO, Norberto Luiz. Festa, trabalho e cotidiano. In: JANCSO, Istvan; KANTOR, Iris (Org.). Festa: cultura e sociabilidade na América portuguesa. São Paulo: Edusp/Hucitec, 2001. v. 2, p. 969-975.

HUIZINGA, Johannes. “O jogo e a competição como funções culturais” In: ______. Homo ludens. São Paulo: Perspectiva, 1980, p. 53-86.

MAUSS, Marcel. Sociologia e antropologia. São Paulo: Cosac & Naify, 2003.

MERLEAU-PONTY, Maurice. Fenomenologia da percepção. São Paulo: Martins Fontes, 2011.

PEREIRA, Luzimar Paulo. Os Giros do Sagrado: Um Estudo Etnográfico Sobre as folias em Urucuia - MG. Rio de Janeiro: UFRJ/IFCS, 2009.

______. O Giro dos Outros: fundamentos e sistemas nas folias de Urucuia, Minas Gerais. Mana, Rio de Janeiro: MN/UFRJ, v. 20, n. 3, p. 545-573, 2014.

RADCLIFFE-BROWN, Alfred R. Estrutura e função na sociedade primitiva. Rio de Janeiro: Vozes, 1973. 269 p

SCHECHNER, Richard. Performance e antropologia de Richard Schechner. Seleção de ensaios organizada por Zeca Ligiéro. Rio de Janeiro: Mauad, 2012. 200 p.

WARNIER, Jean-Pierre. Construire la culture matérielle. L’homme qui pensait avec les doigts. Paris, PUF, 1999.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Luiz Gustavo Mendel Souza

URL da licença: https://creativecommons.org/licenses/by/3.0/br/

PROA: Revista de antropologia e arte. IFCH-UNICAMP, Campinas. ISSN:2175-6015.  Conteúdos licenciados em CC BY.

Indexadores: Latindex / DOAJ / CAPES / Sumários