Epifanias Urbanas

  • Renato Jacques
  • Gregório Pimenta

Resumo

Este ensaio é o resultado do encontro entre as pesquisas de um antropólogo e um ator-pesquisador inspirados pelo desafio de pensar as relações entre arte e cidade por meio da abordagem de um objeto empírico: o fenômeno conhecido como “intervenções urbanas”. Como as intervenções urbanas podem alterar olhares e como estes, por sua vez, podem alterar a realidade do próprio acontecimento e de sua relação com a cidade? Quais são os repertórios de uso do espaço urbano que estão sendo mobilizados em tais intervenções? Há de fato um esvaziamento da experiência cotidiana em contextos de trânsito? Partimos de leituras que evidenciam a centralidade do corpo enquanto tema e matéria que transforma ao passo que é transformado. Partimos da premissa de que não há significado sem experiência, o que se dá na relação entre pessoas. E partimos da premissa da cidade enquanto tessitura, texto e pretexto das construções dramatúrgicas vívidas que são as intervenções urbanas.

Palavras-chave: Intervenções Urbanas. Arte. Cidade.

Biografia do Autor

Renato Jacques

Doutorando em Antropologia Social - USP

Área: antropologia das formas expressivas

Gregório Pimenta

Mestre em Estudos do Lazer - FAE - UFMG

Área de Concentração: Cultura e Educação

Referências

Benjamin, Walter. O Narrador. In: Obras Escolhidas: Magia e Técnica, Arte e Política. Trad. Sergio Paulo Rouanet. São Paulo: Brasiliense, 1985.

Carreira, André. Dramaturgia do espaço urbano e o teatro “de invasão”. In: Reflexões sobre a arte. Maceió: EDUFAL, Salvador: EDUFBA, 2005.

Certeau, Michel de. A invenção do cotidiano – Artes de Fazer. Petrópolis, Vozes, 2004.

Cohen, Renato. Performance como linguagem: criação de um tempo-espaço de experimentação. São Paulo: Perspectiva, 2002.

Dawsey, John C. Victor Turner e a antropologia da experiência. In: Cadernos de Campo, n. 13, 2005.

Desgranges, Flávio. 2010. A arte como experiência da arte. Lamparina [Online], 1. Disponível em <https://www.eba.ufmg.br/lamparina/index.php/revista/article/view/26> Acessado em 2 de agosto de 2017.

Fabião, Eleonora. Definir performance é um falso problema. [Online]. Fortaleza: Jornal Diário do Nordeste. Disponível em <http://diariodonordeste.globo.com/materia.asp?codigo=652907> Acessado em 2 de agosto de 2017.

Fabião, Eleonora. Performance e Teatro: poéticas e políticas da cena contemporânea. In: Sala Preta, Revista do Programa de Pós-graduação em Artes Cênicas: ECA-USP, n. 8, 2008.

Schechner, Richard. Between Theater and anthropology. Philadelphia: University of Philadelphia Press, 1985.

Schechner, Richard. O que é performance? Trad. Dandara. Rio de Janeiro, Revista de teatro: O Percevejo, UNIRIO, Ano 11, número 12, 2003.

Schechner, Richard. Performance Studies: an introduction. New York, Ed. Routledge, 2003.

Turner, Victor. The anthropology of experience. Chicago, University of Illinois Press, 1986.

Publicado
2017-12-31
Como Citar
Jacques, R., & Pimenta, G. (2017). Epifanias Urbanas. PROA Revista De Antropologia E Arte, 2(7), 62 - 77. Recuperado de https://www.ifch.unicamp.br/ojs/index.php/proa/article/view/2862
Seção
Dossiê