Perguntas éticas comparativas sobre a polêmica envolvendo o fenômeno contemporâneo de "Human Flesh Search [Engines]" na RPC

  • Lauren F Pfister

Resumo

Neste artigo, eu exploro os dilemas éticos associados a uma prática online, contemporâneae incomum na República Popular da China: Renrou Sousuo 人肉·搜索 ou “Human FleshSearch [Engines]”. Este tipo de prática é ilegal na maioria dos outros países modernos, mas não naRPC. Eu explico, em parte, o porquê, desde uma clássica origem chinesa, de muitos chineses tereminteresse em se envolver com esta forma de vigilância tanto online quanto offline, daí, em seguida,analiso estudos estrangeiros contemporâneos sobre esta prática desenvolvidos por cientistas dacomputação, os quais não exploram os dilemas éticos que resultam desta prática. Coloco emparalelo esta experiência do começo do século XXI com uma da Dinamarca da década de 1840,experimentada por Soren Kierkegaard, eu argumento que muitas das mais notáveis influênciasincluem ataque de pânico online e o temor de muitos jovens chineses em acessar a internet, poiseles podem ser perseguidos pelos vigilantes que “Buscam Carne Humana”.

Biografia do Autor

Lauren F Pfister
Department of Religion and Philosophy Hong Kong Baptist University
Publicado
2018-03-03
Como Citar
Pfister, L. F. (2018). Perguntas éticas comparativas sobre a polêmica envolvendo o fenômeno contemporâneo de "Human Flesh Search [Engines]" na RPC. Modernos & Contemporâneos - International Journal of Philosophy [issn 2595-1211], 1(1). Recuperado de https://www.ifch.unicamp.br/ojs/index.php/modernoscontemporaneos/article/view/3047
Seção
Artigos independentes