A constituição da verdade em Hans G. Gadamer e Michel Foucault

  • Aurenéa Maria de Oliveira

Resumo

Este artigo visa discutir a proximidade entre a perspectiva de verdade de Hans Georg Gadamer e a de Michel Foucault a partir da influência que o conceito de verdade de Friedrich W. Nietzsche teve sobre eles. Este último, tendo sido grande crítico do projeto da modernidade em suas correntes Iluminista e Positivista, elaborou uma definição de verdade atrelada ao tempo e ao trágico, identificando-a ao movimento, ao devir. Assim sendo, tal percepção de verdade entrelaça-se às visões tanto de Gadamer como de Foucault - sobretudo as de Foucault - à medida que para eles a verdade é marcada pelas contingências históricas e pela não-razão.

Publicado
2015-03-19
Como Citar
Oliveira, A. M. de. (2015). A constituição da verdade em Hans G. Gadamer e Michel Foucault. Revista Aulas, 1(3). Recuperado de https://www.ifch.unicamp.br/ojs/index.php/aulas/article/view/1912
Seção
Artigos